Novas feras em busca da Stock Car

O campeão Felipe Baptista brilhou em 2021, mas a Stock Series tem outros nomes notáveis. Analisamos seis jovens para ficar de olho em 2022.

 

Dizem que os números são frios e não mentem. Felipe Baptista alcançou marcas superlativas em 2021, e com isso conquistou o título da Stock Series, a categoria de acesso da Stock Car Pro. Mas também é fato que um grande campeão é forjado ao se defrontar com outros talentos de igual valor. Foi isso o que aconteceu na mais recente temporada da Stock Series. A seguir, analisamos o potencial dos seis primeiros colocados naquele campeonato. A conclusão é que vale guardar estes nomes. Muito em breve alguns deles estarão entre as grandes estrelas do automobilismo brasileiro.

1º) Felipe Batista
Paulista, 18 anos
Pontos: 324
Equipe: KTF Sports
Campeão dos rookies em 2020 e campeão na geral no ano seguinte, Felipe Baptista teve uma temporada excepcional. Vencedor de seis das 16 provas, também cravou cinco melhores voltas. Foi dominante em especial na primeira metade do ano. Como resultado, o mundo da Stock Car está de olho nele. E por isso Felipe vai subir para a categoria principal, pela equipe KTF. Lá, vai brilhar novamente.

2º) Gabriel Robe
Gaúcho, 24 anos
Pontos: 298
Equipe: Motortech
Gabriel Robe provou mais uma vez sua velocidade com o modelo JL G12. O campeão de 2017 conquistou cinco das oito poles e dominou essa estatística em 2021. Venceu ainda duas das 16 provas e fez a melhor volta em duas etapas. Deixou de pontuar em duas ocasiões, fato que, caso não tivesse ocorrido, poderia até mudar os rumos do campeonato. Já é um grande piloto.

3º) Raphael Reis
Braziliense, 28 anos
Pontos: 266
Equipe: W2 Racing
Ao lado de Robe, Reis se tornou o parâmetro de qualidade da categoria em termos de pilotagem para os jovens recém chegados. Campeão em 2018, vice em 2020 e terceiro no ano passado, Raphael novamente disputou o título. Venceu quatro provas, cravou duas das oito poles colocada em jogo, além de três melhores voltas.

4º) Arthur Leist
Gaúcho, 20 anos
Pontos: 257
Equipe: Motortech
Leist não venceu corridas em 2021, mas certamente foi uma das jovens forças do grid. É o que atestam os sete pódios, uma pole e as três melhores voltas. Companheiro de Gabriel Robe, sua regularidade foi decisiva para a conquista do título de campeã entre as equipes pela Motortech. É certamente uma das apostas para brigar pelo título de pilotos de 2022.

5º) Matheus Iorio
Paulista, 24 anos
Pontos: 243
Equipe: W2 Racing
Matheus começou 2021 na KTF Racing, mas migrou para a W2 Racing na quarta etapa, em Curitiba. Foi por essa equipe que o piloto obteve suas duas vitórias e as duas melhores voltas, todas registradas na fase final do campeonato. Iorio perdeu o quarto lugar para Leist por apenas 14 pontos – talvez desperdiçados em Santa Cruz do Sul, na única prova que não pontuou. É um candidato natural ao título da categoria em 2022.

6º) Zezinho Muggiati
Paranaense, 18 anos
Pontos: 229
Equipe: W2 ProGP
Selecionado por um projeto da Toyota para promover um jovem kartista para a Stock Series, Muggiati estreou em 2020 com uma vitória e a quarta colocação no campeonato. Em 2021, o jovem curitibano desceu duas posições na tabela, mas é inegável que o potencial para brigar pelo título está lá. Um dos talentos que pode chegar à Stock principal, conquistou cinco pódios em 2021.

Contatos
Rodolpho Siqueira / Fernando Silva
(11) 9 5472 0163 e (19) 98124-1625

Deixe uma resposta