Stock Car abre 2ª metade da temporada com empate entre as marcas

Após 12 corridas, Chevrolet e Toyota dividem as vitórias, com seis primeiros lugares cada uma

Depois de disputar a sexta das 12 etapas previstas para 2022 no Velopark (RS), no início de julho, a Stock Car Pro Series abre a segunda metade da temporada em Interlagos, no próximo domingo (31). A classificação aponta o tricampeão Daniel Serra na liderança, com 184 pontos, em uma briga acirrada com o atual campeão, Gabriel Casagrande, que soma 173 e foi prejudicado no Velopark ao zerar nas duas corridas da sexta etapa. Mas chama a atenção também o equilíbrio entre as marcas na temporada: a Toyota e a atual campeã, Chevrolet, somam seis vitórias cada uma até o momento. E a briga vai longe.
A Chevrolet faturou o título de 2021 com o paranaense Casagrande, piloto de 27 anos que conquistou um campeonato pela primeira vez na carreira. A marca norte-americana assiste também a briga entre dois de seus representantes – Casagrande e Serra – pela ponta na classificação. Mas o equilíbrio das marcas indica que não é possível baixar a guarda já que a Toyota tem tudo para surpreender a rival. Tanto que o piloto com mais vitórias (duas) e segundo com mais pódios (quatro) é Rubens Barrichello, representante da marca japonesa que zerou por acidentes ou problemas nada menos que quatro das doze provas. Barrichello é o terceiro na pontuação.
Daniel Serra, de seu lado, vai zerar pela primeira vez no próximo domingo, em Interlagos. O atual líder vai defender a equipe Risi Competizione, oficial Ferrari, nas 24 Horas de Spa-Francorchamps, sendo substituído na Eurofarma-RC pelo campeão de 2016, Felipe Fraga. Como o regulamento dá direito à eliminação dos quatro piores resultados ao final da temporada, Serra irá usar seus descartes nas duas corridas da etapa de Interlagos, o que o manterá na briga pelo título.

Japoneses na frente — A marca japonesa, no entanto, tem vantagem em outro quesito importante: seus representantes somam 19 pódios contra 17 dos pilotos da fábrica norte-americana. Como três pilotos foram ao pódio em cada uma das 12 largadas (duas por etapa) registradas pela Stock neste ano, a vantagem de apenas dois pódios pode ser considerada marginal e frisa o grande equilíbrio entre os modelos Chevrolet Cruze e Toyota Corolla no atual campeonato.
Depois de 142 corridas já realizadas em Interlagos, a Stock Car Pro Series vai assistir neste domingo a outro possível desempate. Cacá Bueno e Thiago Camilo somam sete primeiros lugares no traçado paulistano cada um. O piloto carioca e o paulista estão empatados como os competidores em atividade com mais vitória em Interlagos, considerando o atual grid de 34 carros.
A Toyota recentemente comemorou o fato de o argentino Matías Rossi ter alcançado o status de estrangeiro de maior sucesso na história da Stock Car – e também de ser o piloto com mais pódios em 2022 (cinco). Em Interlagos, a marca japonesa trará mais um talento do país vizinho para reforçar seu esquadrão. Andrés Jakos, 22 anos, foi anunciado na semana passada como substituto de Gianluca Petecof, 19 – uma mudança que já era prevista no programa de jovens pilotos da fábrica nipônica para a América Latina em conjunto com a equipe Full Time Sports.

Programação e transmissão — A Stock Car acelera em Interlagos a partir da sexta-feira com duas sessões de treinos livres. A classificação que vai definir o grid de largada está marcada para 13h10 (horário de Brasília) deste sábado. No domingo, a sétima etapa começa às 13h10 com a Corrida 1 (30 minutos + 1 volta), enquanto a Corrida 2 acontece às 13h45.
A Stock Car conta com transmissão ao vivo da Band, canais SporTV, mídias oficiais da categoria (no YouTube e Facebook), Twitch da Tribo do Gaules, Motorsport.tv, mídias do Estadão e canal da Revista Capital Econômico.

Sexta-feira, 29 de julho
08h35 – BRB Fórmula 4 Brasil – Treino Livre 1
09h25 – Stock Series – Shakedown
09h45 – Stock Car – Shakedown
10h40 – BRB Fórmula 4 Brasil – Treino Livre 2
11h30 – Stock Series – Treino Livre 1
12h10 – Stock Car – Treino Livre 1
14h05 – Stock Series – Treino Livre 2
15h40 – BRB Fórmula 4 Brasil – Classificação
16h10 – Stock Car – Treino Livre 2

Sábado, 30 de julho
08h00 – Stock Series – Treino Livre 3
09h35 – BRB Fórmula 4 Brasil – Corrida 1 (25 minutos + 1 volta)
10h30 – Stock Series – Classificação
13h10 – Stock Car – Classificação
14h30 – BRB Fórmula 4 Brasil – Corrida 2 (18 minutos + 1 volta)
15h30 – Stock Series – Corrida 1 (30 minutos + 1 volta)

Domingo, 31 de julho
10h00 – Visitação aos boxes
11h30 – BRB Fórmula 4 Brasil – Corrida 3 (25 minutos + 1 volta)
13h10 – Stock Car – Corrida 1 (30 minutos + 1 volta)
13h45 – Stock Car – Corrida 2 (30 minutos + 1 volta)
16h10 – Stock Series – Corrida 2 (30 minutos + 1 volta)

Classificação do campeonato:
1º – Daniel Serra, 184 pontos
2º – Gabriel Casagrande, 173
3º – Rubens Barrichello, 152
4º – Gaetano Di Mauro, 147
5º – Matías Rossi, 137
6º – Bruno Baptista, 130
7º – César Ramos, 127
8º – Rafael Suzuki, 117
9º – Guilherme Salas, 114
10º – Nelson Piquet Jr., 107
11º – Ricardo Zonta, 103
12º – Thiago Camilo, 93
13º – Ricardo Maurício, 84
14º – Julio Campos, 72
15º – Allam Khodair, 68
16º – Galid Osman, 67
17º – Diego Nunes, 67
18º – Marcos Gomes, 65
19º – Átila Abreu, 60
20º – Sergio Jimenez, 58
21º – Denis Navarro, 57
22º – Cacá Bueno, 57
23º – Tony Kanaan, 55
24º – Felipe Lapenna, 54
25º – Gianluca Petecof, 42
26º – Felipe Baptista, 42
27º – Felipe Massa, 40
28º – Pedro Cardoso, 24
29º – Lucas Foresti, 22
30º – Rodrigo Baptista, 19
31º – Gabriel Robe, 11
32º – Tuca Antoniazi, 9
33º – Beto Monteiro, 7
34º – Gustavo Frigotto, 3
35º – Thiago Vivacqua, 2
36º – Renato Braga, 0
37º – André Moraes Jr., 0

Contatos
Rodolpho Siqueira / Fernando Silva / Bruno Vicaria
(11) 9 5472 0163

Deixe uma resposta