Stock Car: software leva equipes a novo patamar na gestão de corridas

Programa permite a projeção de live timing, estatísticas em tempo real, tempo de pit stops, consumo de combustível, além de ajudar os pilotos e estratégias de equipe 

 

A Stock Car Pro Series iniciou na primeira etapa, dia 25 de abril, a implantação de um software que vai elevar a um novo patamar a capacidade das equipes na gestão de dados relacionados às corridas. Desenvolvido para a categoria ao longo de 2020, o Stock Car Racing Systems será uma eficiente ferramenta na captação e manuseio de uma enorme gama de informações, ampliando o potencial de pilotos e engenheiros na tomada de decisões e definição de estratégias que podem impactar de forma decisiva as corridas do principal campeonato do continente.
“Este é mais um passo que damos na modernização da Stock Car Pro Series”, diz Fernando Julianelli, CEO da Vicar, empresa que também promove a Stock Light e a Turismo Nacional. “Além de dar às equipes uma visão 360 do que acontece no ambiente e nos seus carros, futuramente esse software também será a base para a captação de dados que serão usados nas transmissões. Essa integração acontecerá gradativamente. O primeiro estágio é um período de aclimatação dos engenheiros e pilotos, para depois partirmos para o uso das informações de forma mais ampla, o que vai beneficiar especialmente o público que acompanha as corridas”, completa o executivo.

Auxílio aos engenheiros – Mais do que uma central de informações para as corridas, o Stock Car Racing Systems pode ser na verdade um recurso essencial para os engenheiros. “Ele não apenas é capaz de apresentar estatísticas completas sobre elementos vitais em um carro de corridas, mas também faz projeções sobre fatores decisivos como consumo de combustível e duração de pit stops em tempo real. Ou seja, o engenheiro e o piloto saberão na hora, durante a corrida, se a gasolina será suficiente ou se vale ou não a pena fazer um pit stop naquele dado momento”, explica Clayton Martins, líder de tecnologia de competição da Vicar e gestor do software.
O programa também disponibiliza informações sobre o ambiente onde acontece a prova ou treino, como condições climáticas em tempo real e previsão de precipitação, variação de temperatura ou outro evento que possa afetar o desempenho dos carros. “Com os dados é possível determinar, por exemplo, a hora exata de se colocar pneus novos e com quantos litros abastecer o tanque, de forma a carregar menos peso. Todos esses parâmetros são corrigidos em função do que está acontecendo na corrida em tempo real. É uma ferramenta inteligente. Mas a decisão ainda será do piloto ou engenheiro”, continua Martins.

Corrigindo os pilotos – Entre várias outras novidades, o software permitirá a análise de pontos de melhoria do piloto. “Será possível analisá-lo em vários parâmetros, inclusive fazendo comparações com outros pilotos. Os engenheiros saberão exatamente no que o piloto pode melhorar. Informações como porcentagem de aplicação do freio, do acelerador e giro do volante permitirão a análise de cada metro do traçado percorrido pelo carro. Isso poderá ser feito em tempo real, de forma imediata”, detalha o especialista da Vicar.
Segundo o líder de tecnologia de competição da Vicar, além da variada gama de informações, a grande virtude do Stock Car Racing Systems é propiciar tomadas de decisão mais rápidas e precisas. “Uma decisão errada joga sua corrida fora. Já vimos isso acontecer milhares de vezes no automobilismo. A maior quantidade de dados e as várias formas de interpretá-los oferecidas pelo software vão reduzir a margem de erro. Mas não eliminam a essência do esporte, que é assumir riscos controlados para ser melhor que o concorrente”, finaliza Clayton Martins.

Contatos
Rodolpho Siqueira / Bruno Vicaria
(11) 9 5472 0163

Deixe uma resposta